Queres trabalhar online comigo? Inscreve-te aqui.

O que é preciso para alcançar todos os objetivos

O principal problema de não conseguirmos atingir os nossos objetivos é começarmos com um objetivo demasiado grande e de longo alcance. Falhamos ao planear a sua execução e perdemos o entusiasmo pelo caminho.

 

Definir os objetivos

Para conseguirmos concretizar os nossos sonhos, temos de definir os nossos objetivos. Mas não só precisamos de os definir concretamente, como perceber porque é que os queremos alcançar: Porque é que é tão importante? Que benefícios me trará? Como irei sentir depois de realizado? Quando pensamos nos nossos objetivos não devemos pensar só em alcançá-los, mas sim no motivo que nos levou a querer aquilo.

Gosto de visualizar os meus objetivos para me motivar. Uso muito o Pinterest para criar álbuns com imagens que me inspiram e me fazem visualizar o resultado final do objetivo que quero.

 

Criar objetivos específicos

Quanto mais claros formos com os nossos objetivos, mais fácil será medir o sucesso, assim como planificar o processo para os alcançar. É melhor definir o objetivo “ter mais 3 clientes nos próximos 15 dias” do que dizer apenas que queremos expandir o nosso negócio.

Se definirmos de forma clara os nossos objetivos, conseguimos criar um plano fácil com etapas de ação que precisamos executar para os atingir e saberemos exatamente quando lá chegarmos.

 

Definir prazos curtos

Podemos definir um objetivo maior, mais abrangente, mas para esse grande objetivo, devemos criar pequenos objetivos mensais. Todos os meses devemos alcançar um pequeno passo que nos aproxima desse objetivo maior.

 

Criar um plano

A mudança não acontece do dia para a noite, é preciso trabalhar para realizar estas mudanças. Devemos traçar um plano, listar os pequenos passos para essa mudança ou objetivo maior. Agendar a execução desses passos e todos os dias trabalhar para esse objetivo. Garantir que estes passos e tarefas estão presentes na nossa agenda.

Temos de ter em conta todos os obstáculos que podem aparecer e dar prazos realistas aos nossos objetivos. Em vez de desistirmos quando alguma coisa não corre como planeado, transformar antes cada pequena conquista em pequenas vitórias.

 

Criar Hábitos

Por vezes, para alcançarmos determinados objetivos, precisamos criar hábitos diários. A minha estratégia quando quero criar um novo hábito é esforçar-me para o fazer todos os dias, nem que nalguns dias o faça menos bem ou menos tempo. O importante é fazer todos os dias qualquer coisa. Outra estratégia é usar a regra dos dois dias: nunca ficar mais do que dois dias seguidos sem fazer esse novo hábito.

Por exemplo, se queremos meditar todos os dias, mas sempre temos tempo ou disposição para o fazer, fazer por pelo menos 3 minutos. Não é tão bom como se o fizéssemos por 15 minutos, mas pelo menos fizemos.

Para não desmotivar, não devemos criar demasiados hábitos novos ao mesmo tempo. Acabamos por não conseguir fazer nenhum deles. Começar pelo mais importante e criar um novo só quando este estiver bem implementado.

Uma forma que resulta para mim quando toca a juntar um novo hábito à minha rotina é criar gatilhos para o implementar. Por exemplo, se quero criar o hábito de beber mais água ao longo do dia, então ando sempre com uma garrafa comigo, assim lembro-me de beber. Se quero escrever todas as noites uma reflexão sobre o meu dia, então coloco o meu caderno junto do carregador para à noite, quando colocar o telemóvel a carregar lembrar-me de escrever. Desta forma reduzo a energia mental e física associada à criação do novo hábito.

Associar um hábito novo a um já estabelecido também ajuda. Por exemplo, se tenho o hábito de tomar banho todas as manhãs e quero criar um novo hábito de meditar, posso associar um hábito ao outro: “Todas as manhãs depois de tomar banho, medito!”.

Os hábitos não têm de ser para sempre. Conforme as nossas necessidades e desejos, podemos ter de os ajustar ao longo do tempo para se direcionarem aos novos objetivos. Perguntas que podemos colocar: O que está a funcionar e o que não está? Como posso adequar este hábito à minha realidade neste momento?

 

Acompanhar o progresso

Gosto de criar para cada grande objetivo, uma lista de pequenas tarefas ou passos que devo executar para o alcançar. Eu organizo os meus objetivos no Asana. Aqui tenho um projeto cada novo ano onde listo os meus principais objetivos nas diferentes áreas. Em casa objetivo, escrevo pequenas tarefas ou passos que preciso fazer para o alcançar. Sempre que realizar um desses passos, marco como concluído. Ao longo do tempo gosto de criar pequenas recompensas para me manter motivada. É importante tornarmos este processo divertido para não desmotivar.

Contar a alguém próximo os nossos objetivos também é bom. Assim comprometemo-nos a realizá-lo e temos sempre alguém que nos vai relembrando.

 

Começar hoje!

Tudo o que desejamos é possível. O único obstáculo somos nós mesmos! Temos de nos conhecer e saber o que nos impede de realizar o que queremos e descobrir como podemos contornar isso.

Organiza-te com estes templates de organização que podes imprimir e usar as vezes que quiseres.

Espero que este artigo te tenha servido,
– Diana.

Partilha:

Ler mais

✧ Junta-te à Tribo! ✧

Faz parte da lista da nossa Tribo e recebe conteúdos exclusivo, downloads gratuitos e dicas incríveis diretamente na tua caixa de email!

Login